Colégios Regionais 

colégio de entidades

Créditos: Arquivo CREA-RS 

Interrompidos em decorrência da pandemia de Covid-19, os Encontros Nacionais dos Coordenadores dos Colégios de Entidades Regionais – Cders tiveram continuidade em outubro, no Confea, com a realização de sua quinta edição. O evento contou com a participação dos 16 representantes dos Colégios já estabelecidos no País.  “Uma reunião muito boa com o objetivo de oportunizar aos colégios de entidades regionais trazerem para o Confea as demandas dos profissionais da base para um intercâmbio de ideias e opiniões”, considerou o coordenador nacional, Eng. Agrim. Valdir Schneider (Crea-SC), informando que o Cder está sendo instituído em outros 11 regionais e que apenas em Santa Catarina ele reúne 48 entidades de classe. 
 
Ao participar da abertura da reunião, o presidente do Confea, Eng. Civ. Joel Krüger, manifestou sua disponibilidade em contribuir para a valorização das entidades regionais de todo o País. “Os Colégios de Entidades Regionais se estabeleceram a partir de uma reunião do Crea Sul em Porto Alegre, em 2016, quando os Regionais de Santa Catarina e do Paraná iniciaram este processo, logo acompanhados por São Paulo. Fico muito feliz em constatar que a proposta vem sendo encampada por todo o Brasil nos últimos anos”, comentou, colocando à disposição toda a assessoria técnica do Conselho Federal.

 

A presidente do CREA-RS, Eng. Amb. Nanci Walter, que na ocasião cumpria agenda em Brasília, participou do primeiro dia do evento e destacou a importância da representatividade das entidades regionais, sendo a base de todo o Sistema Confea/Crea. Também representando o Rio Grande do Sul, esteve o coordenador-adjunto do Colégio de Entidades Regionais do RS (CDER-RS), Eng. Agr. Valmor Christmann, que também é 2º vice-presidente do Conselho. “Este é o primeiro encontro do CDERs que acontece. O Brasil é muito grande e ainda somos poucos: entre os 27 Creas, temos 14 Colégios instalados”, destacou o Engenheiro. Para ele, os principais gargalos das entidades são a sustentabilidade financeira e a renovação dos quadros diretivos e associativos. “A falta do retorno dos repasses das ARTs nos impacta muito e a baixa renovação também é outra pauta que quero trazer ao debate aqui e no nosso encontro estadual”, destacou o Eng. Agr. Valmor Christmann.

TERÇAS COM O CDER-RS TROUXE DEBATE COM COORDENADORES REGIONAIS ELEITOS 

COORDENADORES REGIONAIS ELEITOS 

coordenadores regionais eleitos

Evento que promove palestras e debates sobre entidades de classe, o último Terças com CDER-RS, promovido pelo Colégio de Entidades do Rio Grande do Sul do CREA-RS, ocorreu em novembro trazendo as ações de cada Regional e contou com a participação dos coordenadores recém-eleitos para o mandato 2022/2023. 

Créditos: Arquivo CREA-RS 

Dando as boas-vindas aos participantes, a Eng. Nanci Walter, presidente do Conselho, destacou as ações de sua gestão em apoio à sustentabilidade das entidades, tais como o lançamento do Chamamento Público 01/2021, cujo repasse acontecerá ainda neste ano, e o Portal das Entidades de Classe, para a autogestão de documentações no Sistema. “Vou apresentar também no Colégio de Presidentes uma proposta de patrocínio aprovada no último CREASUL. O objetivo é estabelecer um regramento para concessão de patrocínio também para as entidades”, ressaltou. 

Também presente à reunião virtual, o Eng. Civ. Márcio Marun Gomes, diretor financeiro da Mútua-RS, agradeceu a participação, enaltecendo a importância das entidades e colocando a Caixa de Assistência à disposição para parcerias. 

O coordenador estadual do CDER-RS, Eng. Civ. Jorge Köche, parabenizou os coordenadores regionais eleitos e destacou a importância do trabalho conjunto, assim como algumas ações de seu mandato. Jorge conduziu a atividade, que teve a apresentação de cada coordenador eleito e que puderam discorrer sobre suas atividades em suas entidades e no CREA-RS.

Anest representa Brasil em Congresso de Engenheiros de Angola 

O presidente da Associação Nacional de Engenharia de Segurança do Trabalho (Anest), Eng. Agr. e Seg. Trab. Benvenuto Gonçalves, representou a Engenharia de Segurança do Trabalho do Brasil no 4º Congresso Internacional da Ordem dos Engenheiros de Angola, que ocorreu nos dias 18 e 19 de novembro, em Luanda, capital do país. O encontro debateu o tema Engenharia Disruptiva: Construindo um Futuro Sustentável para Angola. “A agenda foi fundamental para abertura de diálogo e intercâmbio de conhecimento”, avaliou Benvenuto, que no dia 19 de novembro moderou o painel Energia Sustentável e Ambiente. 

Congresso de Engenheiros de Angola

Créditos: Arquivo Anest 

PRESIDÊNCIA DO CREA-RS RECEBE REITORES DA UNIPAMPA 

A Eng. Amb. Nanci Walter recebeu, em novembro, a visita do reitor da Universidade Federal do Pampa, Eng. Agríc. Roberlaine Ribeiro Jorge, e do vice-reitor, Marcus Morini Querol. 

Segundo o reitor, o objetivo é promover maior aproximação e parcerias entre a Unipampa e o Conselho. "Já fui conselheiro da Câmara Especializada de Agronomia por dois mandatos, e sei a importância desta conexão entre a academia e o Conselho, principalmente para difundir o papel do CREA-RS, que é defender a sociedade, a legislação e a ética profissional", argumentou. 

A presidente reforçou que, entre as metas de interiorização da gestão, está a maior aproximação com as universidades, inclusive levando as sessões plenárias para o interior, oportunizando assim a maior participação dos profissionais e estudantes. "Também estamos trabalhando para implementar o Programa CREAJr no Rio Grande do Sul, trazendo os estudantes para participarem mais do Conselho", destacou. A Eng. Nanci aproveitou para apresentar aos representantes da Unipampa o projeto que está em desenvolvimento pela gestão, para a implementação do Colegiado das Instituições de Ensino. "Instituições de ensino e Conselho têm que trabalhar juntos", reforçou. 

Seguindo nesse propósito, o reitor trouxe a proposição para fazer um termo de cooperação com o CREA-RS, o qual será apreciado pela gestão, para a realização de cursos de qualificação. Atualmente, a Unipampa possui 10 campi, mais de 15 mil alunos e 103 professores das áreas das Engenharias, Agronomia e Geociências. 

Os dois aproveitaram para parabenizar a gestão da Eng. Nanci Walter, que promove ações em prol dos profissionais. 

eleições para coordenadores regionais e estadual

Créditos: Arquivo CREA-RS 

Entre 10 e 11 de novembro foi realizado o processo eleitoral para a escolha dos coordenadores regionais do Colégio de Entidades Regionais (CDER-RS). A Comissão Eleitoral divulgou os nomes das chapas eleitas na votação onde participaram 347 profissionais. 

Foram escolhidos os coordenadores regionais (titulares e suplentes)  para 11 regionais: Alto Uruguai, Central, Fronteira Oeste, Fronteira Sudoeste, Metropolitana, Noroeste, Planalto, Serra, Sinos, Litoral e Sul. A Regional  

O CDER-RS foi proposição da presidência do Conselho aprovada no EESEC de 2012 e na Plenária do CREA-RS. Ele é composto por representantes de todas as entidades registradas na autarquia.  

Acesse a relação dos eleitos: http://www.crea-rs.org.br/site/documentos/eleicoes/eleicoes.pdf 

EM BRASÍLIA, CDEN REALIZA A ÚLTIMA REUNIÃO NACIONAL DO ANO 

reunião nacional

Créditos: André Almeida/Confea 

Informes dos integrantes do colegiado e a preparação do 11º Congresso Nacional de Profissionais (CNP), que acontece de 6 a 8 de outubro de 2022, em Goiânia (GO), com o tema central “Desenvolvimento nacional com implementação de políticas públicas para a Engenharia, a Agronomia e as Geociências" e os seguintes eixos temáticos: Inovação tecnológica, Infraestrutura e Atuação profissional, fizeram parte da última reunião do CDEN. 
 
Os coordenadores debatem ainda, as resoluções consideradas “arbitrárias” emitidas pelos Conselhos Federais dos Técnicos Industriais e dos Técnicos Agrícolas.

Coordenador Marco Aurélio Braga e coordenador adjunto Milton Ribeiro

Coordenador Marco Aurélio Braga e coordenador adjunto Milton Ribeiro: pela primeira vez, Cden tem sua quarta reunião do ano 

Após os informes das entidades, os conselheiros federais presentes, Eng. Eletric.e Eletron. Genilson Pavão e o Eng. Civ. Daltro Pereira, se manifestaram defensores das entidades de classe, definidas por eles, como a base de sustentação do Sistema. “Devemos servir vocês, não o contrário”, disse Pavão. Segundo ele, a união da engenharia em torno do ideal de desenvolvimento nacional é possível. “As entidades fomentam a origem da engenharia brasileira. Nosso compromisso é sanar as incongruências que têm acontecido com as entidades”. Já o conselheiro Daltro Pereira comentou que a Comissão de Educação e Atribuição Profissional (Ceap) está aberta às entidades, manifestando apoio a projetos em tramitação no Congresso Nacional para fortalecê-las.  

© 2021 CREA-RS. Todos os direitos reservados.